Aviso aos navegantes:

"Aqui a casa é ventilada, o coração é quente e as vontades têm a temperatura exata para os sonhos."
Fique à vontade, leve um pouco de mim, deixe um pouco de você. Comente!

Readequando-me... dia após dia!

"Sentir-se inadequado não é desconfortável por uma necessidade de adequar-se. 
Sentir-se inadequado pode vir exatamente de uma adequação 
forçada a um sistema, ambiente ou relação que não nos compõe. 
A minha sensação de inadequação só ocorre quando me perco de mim mesma, 
ainda que eu esteja no contrafluxo das convenções. 
Não é a habilidade de lidar com o Outro que me ampara dos conflitos. 
É a minha habilidade de lidar comigo em relação ao Outro
 que me faz mais tolerante, amorosa e compreensiva.
 Poder estar quem estou é o que me prepara 
para aceitar a vida como ela se apresenta. 
Então eu me movimento suave dentro da diversidade, 
pois reconheço a minha diferença 
e aprendo a respeitar a do Outro. 
A minha sensação de adequação
 vem também do estar inteira nas minhas inabilidades 
e trabalhá-las, simplesmente, por reconhecê-las."

(Marla de Queiroz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário